0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Pin It Share 0 Filament.io 0 Flares ×

Visitar Cinque Terre a partir de Florença é um passeio polêmico. Isso porque a viagem não é curta entre os dois destinos e durante a minha pesquisa pré viagem li vários lugares não indicando o bate-e-volta.

Mas eu queria muito conhecer, então vendo os horários dos trens e todas as implicações decidi que valia a pena arriscar. E valeu.

Cinque Terre é o nome dado a cinco vilarejos localizados na região da Ligúria, na área costeira, banhados pelo mar Mediterrâneo e é considerado Patrimônio da Humanidade pela UNESCO.

Riomaggiore

Como chegar em Cinque Terre a partir de Florença

Pegamos um trem bem cedo na estação Santa Maria Novella em Florença com destino a La Spezia. Existem algumas opções que duram de 2h à 2h30 de viagem e podem ir direto para lá ou ter um troca de trem em Pisa. O valor da passagem varia entre 13 e 18 euros.

É importante conferir no site ou na própria estação antes porque esse trem não tem tantas saídas por dia então é preciso se programar para não perder tempo esperando na estação.

Chegando na estação de La Spezia, compre o bilhete Cinque Terre Card Treno que dá direito ao transporte ilimitado de trem entre os 5 vilarejos. Esse é um jeito prático e rápido de conhecer tudo e o cartão custa 12 euros.

Estivemos em Cinque Terre em Novembro de 2016, ou seja, inverno, então uma das opções interessantes de conhecer as vilas não estava disponível: via barco.

Existe também a possibilidade de conhecer os vilarejos a pé, caminhando entre elas o que leva tempo e em alguns trechos são mais complexos e exigem mais então com certeza é para um outro tipo de viagem.

Monterosso

Conhecendo os cinco vilarejos

Passear em Cinque Terre é uma experiência! Os burgos parecem cenário de filme, não dá para acreditar que ali é realmente uma cidade e tem gente morando normalmente. Rs

As cinco vilas são parecidas entre si, e apesar de umas serem mais famosas e populares que outras é fundamental conhecer todas.

Riomaggiore

Essa é a primeira vila a partir de La Spezia. Tem uma bela vista do alto e um porto bonitinho. Em Riomaggiore começa a trilha Via dell’Amore até Manarola, quando eu fui estava fechada então é preciso verificar antes se está aberta para passagem. Essa trilha seria uma caminhada curta, de 20 min, com lindas vistas e cadeados pendurados pelos apaixonados.

Manarola

É de lá a foto mais popular de Cinque Terre (a foto da capa desse post, lá em cima). Então prepare a câmera e paciência porque tá todo mundo querendo tirar essa foto lindíssima. O burgo todo é uma gracinha mas a região do porto com as casinhas pendurados sobre o mar é demais!

Corniglia

Única das cinco vilas que não é colada no mar, Corniglia fica a 100 metros do nível do mar o que significa ter que subir a partir da estação de trem para chegar a cidadela. São duas opções: um mini ônibus que sai do lado da estação ou 377 degraus (subi de escada, não contei os degraus mas foram degraus demais!).

Vernazza

Lindo vilarejo talvez o mais bonito dos cinco, li que faz sucesso no verão, por conta da baía que o mar forma na frente da vila. Deve ser realmente demais curtir o mediterrâneo dali.

Monterosso al Mare

É a maior das cinco vilas e com uma extensa praia. Por conta disso, tem uma estrutura maior de restaurantes e hotéis então quem quiser passar uma noite em uma das vilas deve encontrar mais opções em Monterosso.

Vale a pena visitar Cinque Terre a partir de Florença?

Para mim, vale, mas algumas considerações:

Fomos no inverno, ou seja, não tínhamos necessidade de aproveitar as praias o que teria sido ótimo no verão. Então em temporadas mais quentes, vale passar mais um tempo em Cinque Terre.

Conseguimos conhecer todos os cantinhos das 5 vilas porque elas são realmente bem pequenas! Mas é claro que deve ser interessante dormir uma noite por lá. Mas fica a dica, durante o inverno tinha muitos estabelecimentos fechados, entre restaurantes e lojas, durante o dia. Imagino que a noite não melhore essa condição.

Dica: comer por Cinque Terre não é a tarefa mais fácil do mundo. Como disse, alguns restaurantes estavam fechados e os que estavam abertos eram mais caros que a média de Florença e Roma, por exemplo, e bem menos interessantes.

Quem quiser economizar, recomendo levar um lanche na mochila e escolher sua vista preferida para fazer um piquenique.

Fritto misto & Birra Moretti

________

Além de conhecer Cinque Terre a partir de Florença, também visitamos Siena em um dia. Confira todas as dicas da nossa viagem pela Itália clicando no banner abaixo.

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Pin It Share 0 Filament.io 0 Flares ×

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *