241 Flares Twitter 0 Facebook 241 Pin It Share 0 Filament.io 241 Flares ×

O Lollapalooza Brasil 2016 já tem data marcada (12 e 13 de março/2016) e ingressos do primeiro lote esgotados.:O

E como em todo grande festival, muita gente de outros estados e até países voam para SP em busca do festival (para mim, esse é o melhor festival de música que desembarcou por aqui). E para que isso aconteça, precisamos nos organizar. Principalmente com passagens e acomodações.

Das quatro edições do festival em terras brasileiras eu estive presente nas quatro (e já estou confirmado para a quinta), e em cada ano fiquei em um local diferente: de hotel a hostel, e casa de amigos.

Vivenciei três tipos de viagem completamente diferentes durante os Lollas e vou deixar aqui os relatos para facilitar a vida de quem quer curtir o próximo festival.

Lollapalooza (2)
Fonte: facebook

Em 2012 fiquei hospedado no Escambo Hostel, que fica localizado a duas quadras do Avenida Paulista e ainda conta com uma maravilhosa cerveja artesanal. Um local simples e aconchegante que você realmente se sente em casa. Estávamos em 5 e ficamos em um quarto de 8 pessoas.

Lollapalooza (3)
Fonte: Booking

Normalmente para eventos como o Lollapalooza os Hostels costumam lançar pacotes de hospedagem e em 2012 pagamos R$ 140,00 cada no pacote com 3 noites com café da manha, hoje o hostel já não possuiu mais vagas para o Lolla 2016, e o preço da diária gira em torno de R$ 80,00.

Em 2013 fiquei hospedado no Hotel Columbia, um 3 estrelas que fica próximo a praça da Republica. O hotel não tem nada de mais somente o seu café da manha que me fazia acordar cedo mesmo cansado do dia anterior.

Diferente dos Hostels os Hotéis não costumam realizar o pacote de hospedagem e em 2013 pagamos R$ 180,00 por diária em um quarto triplo com café da manha (o preço do nosso pacote de 3 noites em um hostel em 2012), mas que dividindo para 3 pessoas acabou quase que dando no mesmo. Hoje a diária para um quarto triplo gira em torno dos R$ 280,00, o que dividindo para três, também bate com o preço pago em um Hostel.

Lollapalooza (4)
Fonte: Facebook

Em 2014 fui “abandonado” pelos meus amigos e acabei indo sozinho e com isso resolvi me hospedar em um hostel para conhecer mais alguns malucos e partir rumo ao Lollapalooza, e deu certo!

Fiquei no Uvaia Hostel que fica na Vila Mariana no Centro-Sul de SP.

Um hostel excelente! A mais ou menos 800 metros da estação de metro Ana Rosa.

Nesse hostel não fechei nenhum pacote (e na verdade não sei nem se existia), fechei três diárias com café da manha em um quarto compartilhado para seis pessoas com banheiro privativo, e paguei R$ 110,00 em cada.

Em 2015, fiquei na casa de uma amiga, ai não conta. rs

Veja mais opções de hospedagem e garanta a melhor tarifa aqui!

Lollapalooza (6)

Dicas básicas para sobreviver ao festival:

  • Em 2015 o Lolla passou a trabalhar com a compra antecipada dos LollaMangos (a moeda oficial do Lollapalooza),então compre seus Mangos antecipados e evite perda de tempo em grandes filas;
  • Metrô, sim o metrô é com certeza o melhor jeito de ir e vir do evento, SP é uma grande cidade que se prepara muito bem para grandes eventos, com isso vale a pena procurar também Hotéis e Hostels próximos de alguma estação;
  • Capa de chuva, em todos os quatro Lollas que fui, peguei chuva. Se você é desse que não gosta de se molhar, já leve uma capinha na bolsa / mochila e evite de pagar R$ 10,00 em saco plástico transparente vendido como capa de chuva;
  • Para a passagem aérea, a dica de sempre: compre com antecedência;

E aproveite o festival!

Lollapalooza (5)

Não se esqueçam de seguir o Coletivo no Facebook e Instagram heim!

Fonte da foto de capa: Lolla 

241 Flares Twitter 0 Facebook 241 Pin It Share 0 Filament.io 241 Flares ×

One Comment

  1. Pingback: Roteiro de viagem: Mochilão América do Sul - Coletivo de Viagem

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *