18 Flares Twitter 0 Facebook 18 Pin It Share 0 Filament.io 18 Flares ×

Dica importante em época de dólar alto é aproveitar as maravilhas do nosso país, né? Hoje a gente começa por aqui um roteiro para conhecer os lençóis maranhenses, uma das paisagens mais bonitas do Nordeste e do Brasil.

O aeroporto mais perto é o de São Luís e de lá é preciso ir até Barreirinhas que fica a 260 km da capital. Barreirinhas é conhecida como o portal de entrada para os Lençóis Maranhenses.

Chegamos ao aeroporto às 2h da manhã e estávamos pensando em esperar amanhecer para pegar o carro, mas depois de conversar com a funcionária da empresa de aluguel fomos convencidos que era tranquilo seguir viagem. É importante apenas ficar atento porque tem muitos animais dormindo na pista. Pegamos o carro às 4h e chegamos em Barreirinhas às 7h.

Pousada do Rio
Pousada do Rio

Ficamos hospedados na Pousada do Rio que fica um pouco afastada do centro de Barreirinhas, mas dá para ir a pé sem problemas. O lugar é bonito, tem piscina, o Rio Preguiça nos fundos, quartos com varanda e rede. O café da manhã não era especialmente bom, e também não recomendo o restaurante de lá por ser caro pelo o que oferece. O wifi não pega sempre, é uma questão de sorte, mas acredito que esse seja um problema geral da cidade e não da pousada.

Os funcionários são simpáticos e solícitos, por ser baixa temporada nos deixaram fazer checkin às 8h (o horário oficial era meio dia). Assim conseguimos dormir um pouco antes de sair para começar os passeios.

Logo procuramos a São Paulo Turismo porque li ótimas recomendações da mesma na internet. Escolhemos e agendamos os passeios que iríamos fazer nos próximos dias. Cada um custa R$ 80,00 por pessoa, mas como fechamos três passeios (para duas pessoas), saiu por R$ 70,00 cada.

Restaurante A Canoa
Restaurante A Canoa

Antes do passeio, almoçamos no restaurante A Canoa, comemos o camarão na canoa, que vinha dentro de um abacaxi (R$ 82,50 serve 2 pessoas). O prato era bem gostoso.

O primeiro passeio que fizemos começava às 14h e era o Circuito Lagoa Bonita que é considerado por muitos o passeio mais legal da região. Nesse circuito passamos por várias lagoas, inclusive uma onde foi gravada a novela O Clone. A maior de todas é a Lagoa Bonita que nas épocas de junho a setembro fica com até 3 metros de profundidade e em dias sem nuvens tem um maravilhoso pôr do sol. Passamos também pela Lagoa do Descanso, Maçarico e outras sem nome; essa lagoas secam mais ou menos de novembro a fevereiro.

A dica então é sempre escolher o passeio da tarde (existe o mesmo passeio a partir das 9h) porque além de estar menos quente ainda tem o pôr do sol no final. Infelizmente na época que fomos (abril) é quase impossível pegar um céu favorável, esse é um período com muitas nuvens, escondendo o pôr do sol. A melhor temporada para um céu sem nuvens é entre junho e agosto, que coincide também com a cheia dos lençóis e a alta temporada. O lado ruim é o aumento dos preços e a lotação do lugar, ou seja, é preciso pesar se vale a pena mesmo. A região fica ainda mais lotada nesse época por conta da festa de Bumba meu boi e Vaquejada. Eu prefiro viajar mais tranquila e fora da alta temporada, mas é uma questão de escolha.

Lencois Maranhenses 2
Chegando no Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses

Apenas veículos autorizados podem entrar no parque onde ficam os lençóis e mesmo eles devem parar em determinado ponto. Depois é necessário subir uma duna de 40m, tem um corda para ajudar mas é bem tranquilo o caminho.

Não preciso nem dizer que o passeio é lindíssimo né? Vocês podem ver pelas fotos!

Lencois Maranhenses 4

Lencois Maranhenses 3

Voltamos do passeio entre 18h30 e 19h e jantamos no Barlavento que fica ao lado do restaurante do almoço, na Av Beira Rio. Tem mais ou menos os mesmo pratos do primeiro e também os mesmo preços. Mas sem for escolher um dos dois, preferi A Canoa.


Infos:


Classificação:

Viagem: Família | Casal | Amigos | Sozinho
Custo: Mochileiro | Intermediário | Luxo
Duração: 24h | Fds | Semaninha | Mês inteiro | Intensivo de viagem

Confira os outros posts dessa viagem deliciosa pelo Maranhão


Camila Salgueiro

Nota da editora Camila: 
Pra quem não percebeu ou não sabe a Denise é minha mãe. <3
(Ela inclusive aparece na “minha” viagem pro Uruguai)
Ela também faz parte do nosso Coletivo e vai ajudar trazendo seus relatos e dicas de viagem.
Não esqueçam de acompanhar a gente no Facebook e no Instagram

18 Flares Twitter 0 Facebook 18 Pin It Share 0 Filament.io 18 Flares ×

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *